22 de ago de 2010

II Travessia Duque de Caxias

Foi praticamente uma semana perdida. Depois das 10 milhas não corri um minuto sequer ainda.

Na segunda após a corrida comecei a me sentir mal, com nariz escorrendo, dores pelo corpo que não condiziam com a corrida. Como a Flávia passou o final de semana todo gripada, não tinha dúvidas, estava eu gripado também.

Geralmente, quando pego um resfriado normal, eu consigo correr sem problemas. Só me hidratadar bastante, diminuir um pouco o ritmo, e consigo pelo menos manter a quilometragem pra semana. Mas quando fico gripado, sem condições: não consigo respirar direito (nariz o tempo todo constipado), leve dor de cabeça, vontade de não fazer nada mesmo. E forçar o corpo nesse momento que ele precisa usar todas as energias pra melhorar… evito totalmente qualquer atividade física maior.

Só fui começar a melhorar (um pouco) por volta de quinta-feira, e minha preocupação semana passada, que era treinar pelo menos umas 3 vezes a natação essa semana… virou pesadelo. Não treinei nada e ainda saindo de uma gripe… bem, a travessia do final de semana seria só participativa então. E foi assim que hoje eu participei da II Travessia Duque de Caxias, pela 3ª Etapa do Capixaba de Águas Abertas, no 38ª BI do exército em Vila Velha.

Depois de 2 semanas de céu nublado, vento sul forte (e gelado) em Vitória, hoje amanheceu com um sol lindo no céu, sem nuvem alguma. Entretanto, não estava um dia quente, estava um dia agradável. Mas minha preocupação era a água… provavelmente fria pra caramba, como costuma ser em Vitória/Vila Velha.

Como da última etapa, realizada na marinha, essa no exército também valeu pela organização e pela boa receptividade dos militares. Tudo certinho, bem organizado, cada coisa em seu lugar. Tirando que a sensação de segurança dentro do quartel é enorme. A gente não se preocupa com nada lá dentro a não ser participar da prova.

Inicialmente programada para ter um percurso de 2000 metros, a prova foi alterada pra 1500 metros, pois a capitania não podia interromper a entrada e saída dos navios da baía de Vitória e as boias não podiam ficar mais distantes do que estavam. Mas sem problemas, pelo menos pra mim. Saindo da gripe, sentindo o corpo mais fraco, menos 500 metros era tudo que eu queria!!

Como esperado, após a rápida explicação do percurso (2 voltas de 750 m) pela federação, fui fazer um aquecimento no mar e… água gelada. Não tanto quanto eu esperava, mas gelada. Dei umas braçadas, voltei pra areia e retornei pra água para me posicionar para a largada. Assim como das outras vezes, demorou um pouco mais do que todo mundo queria, e o aquecimento meio que vai embora, quando a gente fica na água gelada esperando… hipotermia quase!!

A PROVA

A prova não foi tranquila. Vacilei de largar um pouco atrás da corda (das outras vezes estava na corda) e tomei um monte de pernada, uma no rosto, tendo que parar logo no início para corrigir o óculos. E depois, durante a primeira volta, mesmo mantendo um bom ritmo, a respiração estava difícil e consegui engolir pelo menos um litro de água salgada! Na segunda volta já estava me sentindo um pouco melhor e percebi que estava no segundo pelotão, e acompanhado de uma tiazona que nada pra cacete (ela chegou muito na minha frente nas duas primeiras etapas). Vendo ela ali, percebi que estava nadando relativamente bem. Porém, no contorno da penúltima boia, novamente tomei uma pancada no rosto, que tirou meu óculos do lugar e tome água nele. Tive que parar e recolocar, e perdi segundos precisos. Tentei forçar pra pegar o grupo que então ficou na minha frente, mas cansei muito, e meu ritmo caiu drastricamente nos últimos 200 metros. O suficiente pra não conseguir chegar com o grupo que estava, mas felizmente não tanto pra galera que estava atrás conseguir me pegar.

Após a prova o resultado até que foi bom: consegui ficar em segundo na minha  categoria novamente! E novamente perdi pra um militar, como aconteceu na última etapa. Mas dessa vez perdi pra um capitão do exército que não participou das outras etapas, e o pessoal da marinha que chegou na minha frente na outra, também não participaram. Então, acho eu, devo ser o primeiro na minha categoria no campeonato. Como parece que eles não participarão da última etapa, quero treinar forte esse mês, pelo menos pra conseguir terminar em primeiro a última etapa. Se não, também não tem problema. O negócio é subir no pódio 4 vezes em 4 etapas, me manter o mais consistente e levar o caneco, hehe.

PERCURSO

 

Essa semana devo alterar o cronograma dos meus treinos, correr um pouco mais, incluir mais natação na planilha, incluir a corrida da Faesa e assim me preparar para o dia 25 e 26 de setembro – a última etapa de natação e a 3ª Meia Maratona de Vitória.

Será que eu aguento?

6 comentários:

Antonio C R Colucci disse...

Glub Glub Léo!
E depois vc ainda me fala de sal... Você não come sal, você toma na fonte hehehe
Parabéns pela coragem(água fria) e pela ótima prova!
Só acumulando os canecos! QUE LEGAL!
Que vc consiga mais muitos pódios e se for em 1º melhor ainda.

Esse mapa é do Garmin? #aquatico

Abraço
Colucci
@antoniocolucci

Antonio C R Colucci disse...

#aisim

Luiz Bittencourt disse...

VALEU LÉO
QUE CONQUISTA!!!
E ESTAVA GRIPADO?
SE NÃO TIVESSE?
UM FORTE ABRAÇO
LUIZ BITTENCOURT

Leonardo Nista disse...

Fala Léo, blz?

Cara, voce conseguiu um segundo lugar gripado!?!?
Caraca, não quero nem ver quando estiver bem, vai deixar neguinho longe!!

Parabens!

Esse mapa foi feito com o garmin?

Abraço

Leonardo Nista
www.corroporcorrer.com.br

Carlos Gusmão disse...

Parabéns! pelo resultado.
Meu irmão também nadou e ficou em segundo na categoria master A, chegou logo depois de você. Essa idéia de nadar a travessia e depois correr a meia é um bom desafio. Força Campeão!

Kleber RG disse...

Esse é o Triatleta Léo! Que disposição, heim!
Haaaaja preparo físico.... hehe

Parabéns pela conquista, amigo!

Obs: Cara, notei que você não alterou no seu BLOG meu novo endereço (www.maratonacorreria.com)! Muda lá! Senão, você não vai receber as atualizações dos Posts, OK?

Ah, e é preciso clicar em SEGUIDORES na nova página também! (se desejar continuar seguindo o Blog, claro...)

Abraço,
Kleber RG
www.maratonacorreria.com