25 de out de 2010

Segunda Banescard 10 km

Ontem aconteceu a segunda edição dos 10 km Banescard aqui em Vitória. Prova organizada pelo banco do Estado, com uma boa premiação para os atletas da elite.

Foi nessa prova ano passado que fiz minha primeira corrida sub-50, nos 10 km! E esse ano eu sabia que podia correr abaixo de 45 min (já fiz duas provas abaixo). Mesmo não tendo realizado treinos específicos de velocidade e subida nesse último mês, e contando com uma lesão nas panturrilhas, sabia que daria para fazer abaixo dos 45 minutos.

Há cerca de um mês, desde que comecei meus treinos de natação, comecei com contraturas nas panturrilhas… primeiro a direita e depois a esquerda. A direito melhorou com apenas 2 semanas de tratamento, mas a esquerda não. Tanto que diminui consideralmente o meu ritmo nos últimos treinos evitando força-la mais ainda. Creio que tudo começou com a virada olímpica na natação, empurrando a parede com os pés. Fiz uma câimbra forte nas duas panturrilhas e disso  a contratura. Mas mesmo assim, sabia que ia conseguir manter o ritmo para fazer mais um sub-45.

Outra preocupação antes da corrida era o calor e o sol que podia fazer. Há 3 semanas estamos com o céu praticamente nublado em Vitória. E justo dois dias antes da corrida, abre aquele sol implácavel. E a largada da prova acontece às 9 horas!!

CORRIDA Segunda Banescard 10 km
DISTÂNCIA 10 km
INSCRIÇÃO 20,00 (no site da ativo.com)
LOCAL Largada: Vila Velha em frente ao Banestes
Chegada: Praia de Camburi
PERCURSO 2_banescard_percurso
KIT - camisa regata alusiva à prova DSC05674
- boné alusivo à prova
- sacolinha
- chip (para o pulso, como na Garoto)
- guia para o corredor

A PROVA

Não dormi muito bem, mas mesmo assim acordei bem cedo. Tomei normalmente meu café e me arrumei pra prova. Tinhamos combinado (eu e minha mãe) de irmos de taxi para não atrapalhar ninguém, até porque a chegada da prova é literalmente em frente de casa. Mas como meu primo também ia participar, acabamos indo de carona com minha tia. Pra nossa sorte o tempo estava nublado, e apesar de muito abafado e quente, não teríamos aquele sol castigando nossas cabeças.

Enontrei com amigos e conhecidos antes da largada e fui para o aquecimento. Durante o aquecimento ouvi o locutor chamando as mulheres para a frente porque elas largariam primeiro!! Já vi a porcaria que ia ser na largada! Perder um tempo enorme pra passar esse povo todo!!

Nem 2 minutos depois, diferentemente do anunciado, foi dada a largada masculina. E foi uma largada tão xoxa, que se eu não estivesse na frente, nem teria percebido!! Nessas horas têm que ter um bom “tiro” pra todo mundo ouvir!! E como eu previa, nem 50 m de corrida e já tinha um monte de mulher andando!! Francamente!! Quer caminhar?? Espera todo mundo largar e vai depois… e fique à direita da pista!! O que acontece: o trajeto em cima da ponte é espetacular! Então muita gente se inscreve para poder passar por ela andando e apreciar a vista, assim como um monte de gente que não participa também!!! E o que acontece?? Atrapalha a todo mundo! Solução para isso tem? Claro. e posso enumerar algumas aqui:

  1. Largada da Elite Feminina 10 ou 15 minutos antes;
  2. Laragada da Elite Masculina junto com a largada geral;
  3. Largada dos partcipantes da geral por baias de tempo pretendido;

Bem, tirando esses problemas, tinha pretendido iniciar a prova num ritmo mais confortável para terminá-la num ritmo mais forte, mas sabendo da subida da ponte e que meu ritmo iria cair bem, iniciei um pouco mais rápido do que o pretendido, mas sem forçar muito. Na ponte, além da subida, um vento contra considerável, tanto que pensei em parar de correr ali mesmo. Mas ciente que era minha cabeça me pregando uma peça, mantive minha concetração e fui em frente.

Na passagem dos 5 km vi que estava com um tempo de 22 minutos, totalmente dentro do planejado, ainda mais sabendo que na parte final que eu iria começar a apertar um pouco… só que entre o 7 e o 8 quilometro comecei a me preocupar com a panturrilha esquerda. Ela tinha dado sinais de dor na descida da ponte, mas continuei sem problemas. Quando chego no 8º, aquela fisgada! Pronto… diminui consideravelmente o ritmo, sabendo que meu sub 45 tinha ido por terra.

Só que entre o 8° e o 9º a dor não aumentou… e quando olhei pro relógio 39 para 40 minutos, pensei… “Por que não?? Já está doendo mesmo!!” … e apertei. Até sprint no final eu fiz! Quando olhei, cadê o relógio da prova?? Não tinha!! Olhei pro meu Garmin e vi o tempo de 44:14. Depois foi só a dor na panturrilha!! E tome água gelada em cima!!

INSCRIÇÃO Feito pelo site, sem problemas. Como sempre em Vitória, um bom preço.
KIT DO CORREDOR Bom o kit, com camisa e boné, apesar de não ter gostado muito da cor da camisa esse ano. E sempre me pergunto: por que nas provas aqui em Vitória, tirando a Garoto, as camisas são sempre regatas??
PERCURSO Provavelmente ouvindo as reclamações dos participantes ano passado, devido ao retorno feito na Mata da Praia, os organizadores aumentaram o percurso dentro de Vila Velha fazendo com que a chegada fosse de forma direta esse ano! Parabéns aos organizadores por essa mudança.
Outro ponto positivo foi a colocação de um tapete após essa mudança, o que pode ter pego muito engraçadinho que furou a prova! Mas seria ideal um tapete na saída da 3ª Ponte.
HIDRATAÇÃO Vários postos de hidratação com água gelada ou na temperatura ambiente. Como é uma prova curta, sem necessidade de isotônico.
LANCHE PÓS CORRIDA Lanche básico com uma fruta (maça), uma barra de cereal e um suquinho! Podia ser melhor.
APOIO Prova bem sinalizada, com o trânsito bem fechado. Boa organização
MEDALHA Semelhante a do ano passado, com os dizeres Segunda! Podia ter mudado, hehe
AVALIAÇÃO DA PROVA Prova muito boa, mas deveria ser aferido o percurso para os 10 km realmente!! Uma medição oficial da prova seria muito bom!
Outro detalhe é a largada das mulheres na frente: não funciona! E atrapalha quem realmente quer correr.
Uma falha da organização foi a não colocação de um relógio no pórtico de chegada!
MINHA PARTICIPAÇÃO

 

RESULTADO

Considerando a loucura de ter acelerado no quilômetro final e correr o risco de ter uma lesão muito mais séria do que tenho no momento, posso considerar-me satisfeito com o resultado. Fiz o que esperava, ou seja, menos de 45 minutos.

Tenho percebido também que se levar mais a sério essa distância e realizar treinos específicos de velocidade (coisa que não tenho feito), tenho total condição de fazer um 10 km sub-40!! Tenho é que treinar!!

Infelizmente não tenho fotos da prova, pois minha fotógrava oficial (a.k.a. minha namorada), não estava presente!!

Agora é cuidar dessa lesão, que no dia 14 de novembro tem outra prova pela frente!!

Abraços

3 comentários:

Vamos Correndo disse...

É isso aí meninão! Parabéns pelo sub!
Mesmo com dor foi lá e fez... não tá brincando esse Dr Fininho não...rs Abraço!

satrijoe disse...

Que beleza de relato hein!

Estilo Fabio Namiuti, nos mííííínimos detalhes.

Parabéns pelo resultado, Capixaba queniano. Já tá qualificando pro pelotão de elite, conforme vc sugeriu... Quer largar na frente de todo mundo,né? rs

Abs,
Shigueo

Carlos Gusmão disse...

Parabéns pelo resultado, sempre é bom quando melhoramos nossas marcas! É isso aê, agora é só treinar para fazer sub-40. Você consegue!!
Dia 14 te vejo lá em guarapa!
Abraço,